Voltar
Aumentar Fonte   Diminuir Fonte
Controle da Fonte

Curso Técnico em Agropecuária:



(edição: dez/2009)

 

 

“Se você construiu castelos no ar, não pense que desperdiçou seu trabalho; eles estão onde deveriam estar. Agora construa os alicerces”.

Henry David Thoreau

 

 
Foi com as palavras do filósofo norte-americano Henry David Thoreau que aconselheira da Fundação José Carvalho, Regina Weinberg, buscou, no dia 23 de setembro, traduzir seu sentimento ao ver implantando o Curso Técnico em Agropecuária da escola que leva o nome de seu marido, Rolf Weinberg – amigo de José Carvalho e fundador da Vitae.

 

 

A Srª Regina Weinberg explica que José Carvalho sempre foi um sonhador, mas sempre soube também construir alicerces sólidos para dar sustentação à sua obra.

 

 

“A inauguração deste curso na escola Rolf é exemplo disso. É um sonho alicerçado. É uma realidade”, concluiu. E, para brindar essa grande realização, uma surpresa: José Carvalho, acompanhado de sua neta, Bárbara Klein, chegou para presenciar a solenidade.

 

 
O evento emocionou a todos. A diretora da escola, Célia Celes, declarou que é uma alegria saber que seus alunos, além do curso médio tradicional, terão agora uma formação profissional reconhecida.

 

“Eu sempre digo: os projetos das Escolas Rurais precisam ser perpetuados, justamente por essa valorização que dá aos alunos da zona rural, aosjovens, que precisam tanto de uma oportunidade para mostrar o seu potencial”.

 

 
A diretora acredita que esses alunos funcionarão como elementos transformadores

em suas comunidades. “É o que tem acontecido; os alunos têm contribuído para transformar as comunidades, a realidade de suas famílias, inclusive têm transformado a nós educadores, porque muitas coisas temos aprendido com eles. Esses meninos nos trazem a experiência deles, a experiência de quem nasceu e se criou no campo. E isso é muito gratifi cante”, argumentou. O conselheiro Aloísio Marins concorda e diz que “este é o ideal acalentado hámuito tempo pelo engenheiro e educador José Carvalho”. Marins salientou o empenho da professora Marilene Ferreira no esforço de dar continuidade à obra de José Carvalho.

 

 
Na inauguração, três palmeiras imperiais foram plantadas pela presidente da
FJC, professora Marilene Ferreira, pela conselheira Srª. Regina Weinberg ,
pelos alunos Franciele de Souza da Cruz (16) e Ivan Ferreira dos Santos (21).

 

 

 



Voltar para o Topo



|| Fundação José Carvalho ||

www.fjc.org.br - 2016
Desenvolvido por: